Câmara do Seixal protesta contra portagem interna

Publicado em Maio 26, 2017 » Política, Sociedade, Últimas

O presidente da Câmara Municipal do Seixal, Joaquim Santos, e o presidente da Junta de Freguesia de Amora, Manuel Araújo, estiveram em Belverde, onde mostram como “não se entende” que haja três portagens dentro do concelho.

Tudo começou com a proposta de uma maior acessibilidade, mas depois entraram pórticos de portagem. “Não faz sentido pagar portagens em deslocações dentro do concelho, ou para ir a Almada ou a Barreiro”, afirma o autarca.

Para Manuel Araújo, estas portagens são “contraproducentes” à facilidade de circulação na localidade. “Para evitar o pagamento de portagens, temos um aumento substâncial de trânsito dentro da freguesia. Isto é contrário ao que se pretendia com a construção do IC32/A33″, vincou.

Com portagens em Coina, Belverde, e Vale Milhaços, os autarcas seixalenses vão contactar pela primeira vez com o atual governo, para que o concelho fique, pelo menos, sem a portagem de Belverde. “O governo PSD/CDS nunca entendeu esta questão. Depois veremos quanto às outras duas”, diz Joaquim Santos.

O Seixalense/ZoomOnline

Partilhe este artigo
Tags

Deixar uma resposta