Couceiro: “Temos seleções e uma Federação de top mundial e um campeonato que deixa muito a desejar”

Publicado a Abril 22, 2018 » 684 Views» Desporto, Últimas

Na antevisão do encontro frente ao Porto, José Couceiro voltou a falar dos problemas que geraram um ‘manifesto de revolta’ na última jornada. Depois de ter mostrado grande descontentamento para com a arbitragem após o empate em Guimarães, o técnico voltou a abordar a atualidade do futebol português, criticando o tratamento diferenciado que os clubes recebem.

“É muito claro o que se tem passado e não creio que venham a haver grandes melhorias nos próximos jogos. Neste momento temos seleções nacionais e uma Federação que estão no top do futebol mundial e um campeonato que deixa muito a desejar”, defendeu José Couceiro. “Nunca vi uma competição a desenvolver-se sem promover o equilíbrio”, acrescentou, criticando também o tratamento desigual dado aos clubes da I Liga.

“Estamos a provocar um deserto à volta de algumas equipas. Estamos num momento muito crítico e estamos constantemente a perder credibilidade”, afirmou.

Leia tudo sobre a antevisão de Couceiro ao encontro contra o Porto na edição desta segunda-feira de O Setubalense.

[O Setubalense/Zoom Online]

Share this post
Tags

Comments are closed.