Festival de Almada
“Este é o maior acontecimento teatral do país”

Publicado a Junho 18, 2018 » 451 Views» Cultura, Destaques

A edição do 35º Festival de Almada começou a enfrentar a sua problemática de concretização no final do ano passado. “Uma questão que apenas em maio ficou resolvida”, comenta Rodrigo Francisco, diretor da Companhia de Teatro de Almada.
Na perspetiva de Inês de Medeiros, presidente da Câmara Municipal de Almada “a colaboração da autarquia com a Companhia de Teatro de Almada, deve, e tem que ser, cada vez mais estreita em uma sociedade contemporânea como a nossa”.
Inês de Medeiros refere ainda “a importância do Festival de Almada, o esforço e o empenho apesar das dificuldades”. Não deixando de destacar que, “este é o maior acontecimento teatral do país. Único no nosso panorama teatral”. Motivo pelo qual acredita e espera que “haja muito mais por vir. Mas, por enquanto, é único no país”.

Festival abre “ao estilo burlesco”

“Bigre – mélo burlesque” foi votado pelo público como Espetáculo de Honra para regressar aos palcos de Almada em 2018. O dia 4 de julho é, talvez, “a última oportunidade para visitarmos estes três habitantes de um prédio suburbano, que pautam as suas existências mais ou menos apagadas com episódios bem inesperados e caricatos”, apresenta a direção do Festival de Almada em comunicado.

Ana Martins Ventura / O Seixalense

Share this post
Tags

Comments are closed.