IPS divulga oferta formativa e incubadora de negócios no Alegro Setúbal

Publicado em Outubro 19, 2017 » Destaques

O Instituto Politécnico de Setúbal vai estar presente, com vários workshops e outras atividades de divulgação da sua oferta formativa, na Mostra de Oportunidades de Emprego e Empreendedorismo, que decorre entre os próximos dias 20 e 21 de outubro, no Centro Comercial Alegro Setúbal.

O evento, organizado pela Immochan em parceria com a Câmara Municipal de Setúbal, é uma oportunidade única de reunir, no mesmo espaço, empregadores, candidatos, potenciais empreendedores e entidades oficiais, pondo-os em contacto e em diálogo direto sobre ofertas e oportunidades de apoio existentes em áreas como inovação e desenvolvimento, contratação e empregabilidade.

Em paralelo com a mostra, em expositores instalados na placa central do Alegro (piso 1), um deles exclusivamente dedicado à oferta formativa do IPS, decorre esta sexta-feira, 20, na Experience Box, um programa de workshops e apresentações, que arranca pelas 17h com a sessão “Empreendedorismo na Península de Setúbal: Porquê?”, dinamizada por Sandra Pinto, da IPStartUp, incubadora de negócios do IPS. Logo a seguir, pelas 17h30, quatro jovens empreendedores nascidos no universo IPS dão testemunho da sua experiência e divulgam os projetos que lideram, nomeadamente as marcas Ilegal (António Mendes), MagicBit (Carla Ventura), Ecorbis (Filipe Delgado) e Pedro Dias – Uma vida, um projeto (Pedro Dias).

A partir das 18 horas, José Luís e Luísa Oliveira, do Instituto do Emprego e Formação Profissional, têm a seu cargo o tema “IEFP – Um parceiro para o seu negócio”, e Sandra Duarte, do Ninho de Novas Iniciativas Empresariais de Setúbal (NNIES), fala sobre “Oportunidades”.

Nesse mesmo dia, a partir das 15h30m, no átrio em frente à Perfumes e Companhia, o IPS, através da sua licenciatura em Desporto, dinamiza ainda uma aula de zumba.

Para sábado, 21, estão previstas duas outras atividades, a decorrer entre as 15h e as 20h, na Experience Box. Uma delas, da responsabilidade da Escola Superior de Educação (ESE/IPS), é a simulação de um estúdio de televisão, dinamizada por alunos e professores do Curso Técnico Superior Profissional (CTeSP) em Produção Audiovisual, que promete envolver o público numa “emissão em direto” a partir de vários pontos. A outra, proposta pela Escola Superior de Saúde (ESS/IPS), convida os presentes a passar pela experiência de ser “Terapeuta da fala por um dia”, divulgando deste modo a respetiva licenciatura.

IPS/Zoomonline

 

 

 

 

Partilhe este artigo
Tags

Comments are closed.