Obras do Mercado da Lota contam com o apoio da APSS

Publicado em Junho 29, 2017 » Destaques, Sociedade, Últimas

O presidente da União de Freguesias de Setúbal, Rui Canas fez questão de explicar os atrasos nas obras do Mercado da Lota. O autarca explicou que os atrasos “são devidos a situações com que não contávamos”, como as paredes e as estruturas que “estavam podres e tinham necessidade de um maior investimento”. Após reuniões com a APSS, que é a dona do edifício, “chegámos a acordo e haverá uma participação de 50 por cento por parte da entidade portuária”.

As obras irão recomeçar, prometeu o autarca, depois de “termos perdido um mês”, mas “foi possível fazer tudo em condições, pois até os esgotos não estavam ligados à rede e teremos que criar uma estrutura nova que tenha em atenção a sua inclinação”. Rui Canas reuniu com os utilizadores, que estão a usar o Mercado Alternativo, que “compreenderam o esforço que estamos a fazer”, garantiu.

A União de Freguesias vai dotar o espaço de melhores condições, com novas bancadas e equipamentos, que irão ultrapassar os 150 mil euros, para que o novo Mercado esteja pronto no mês de Julho.

O Setubalense/ZoomOnline

Partilhe este artigo
Tags

Comments are closed.