Quinta do Anjo recebe quase quatro milhões de investimentos

Publicado em Março 20, 2017 » Destaques, Últimas

A Semana Descentralizada de Quinta do Anjo chegou ao fim e, na hora do balanço, o presidente Álvaro Amaro reconheceu “ter sido muito produtiva” e estar “muito feliz porque esta freguesia está em clima de pujança” e irá “receber mais de 3,7 milhões de euros de investimentos”.

A terceira Semana Descentralizada, que contemplou a freguesia de Quinta do Anjo, chegou ao fim e na hora do balanço, o presidente da Câmara, Álvaro Amaro, garantiu “estar feliz porque iremos ter mais de 3,7 milhões de euros de investimentos em resultado de candidaturas a fundos comunitários”.

A Semana proporcionou a visita a indústrias topo de gama, mas também a pequenas empresas familiares, com destaque para os vinhos e os queijos e a obras na rede viária, que irão dotar o território de melhores acessibilidades.
A valorização de espaços de lazer, nomeadamente no ginásio de ar livre que está no Sobral com a aquisição de equipamentos novos, a criação de um novo espaço para Jogo e Recreio e o início do projeto do Centro de Dia da Associação de Reformados, Pensionistas e Idosos do Bairro Alentejano são alguns dos objectivos para este mandato.
A refuncionalização do Mercado de Quinta do Anjo e dos acordos de parceria que já foram assinados com algumas associações, irão avançar com a retirada das bancas e repor chão, antes do espaço começar a funcionar na sua plenitude.

A revitalização do movimento associativo, com a criação de mais uma associação virada para o reviver das tradições e de um novo clube de motards e o retomar de actividades em duas colectividades, que tinham suspendido o funcionamento, foi sublinhado pelo presidente da Junta Valentim Pinto, que admitiu que a reprovação o orçamento da Junta “prejudicou o nosso trabalho, mas não nos impediu de continuar a lutar e até nos incentivou a não desistir dos nossos objectivos”.

Álvaro Amaro destacou os investimentos que “iremos realizar nesta freguesia com as candidaturas aprovadas em investimento superiores a 3,7 milhões de euros”. O autarca destacou o projecto da ciclovia de Quinta do Anjo, que “arranca na zona da Cooperativa de Habitação, vai até às Colinas da Arrábida, faz um circuito pela localidade e regressa ao mesmo sítio”.

Também a Plataforma Humanizada de Conexão Territorial, relacionada com os temas da mobilidade e acessibilidade, é reconhecida pelo edil como “uma intervenção há muito desejada e que envolve Barreiro, Palmela, Sesimbra, Setúbal e Seixal” e aposta também na criação de“uma grande rotunda na Penalva”. A primeira fase da obra, explicou, “inclui a repavimentação da Estrada de Vila Amélia, com ciclovia, passeios e gares para autocarros, todas as infraestruturas e, sobretudo, a drenagem pluvial”. Dois projectos de grande importância irão avançar, anuncia o presidente da câmara, “um para valorização dos sítios arqueológicos com intervenções nas Grutas de Quinta do Anjo e no Alto da Queimada e outro para criação e qualificação de espaços de lazer e bem-estar na área da Arrábida, com zonas de visitação, turismo, infraestruturas de apoio e interpretação, no Espaço Fortuna e em S. Gonçalo”.

A área da Educação irá receber investimentos estruturantes, com concurso já a decorrer, para a ampliação e requalificação da Escola Básica António Matos Fortuna, de Quinta do Anjo, e Escola Básica de Cabanas, que envolvem investimentos de mais de 600 mil euros.

O Setubalense/Zoomonline

Partilhe este artigo
Tags

Deixar uma resposta